sexta-feira, 19 de julho de 2013

Laje 1

Montagem e Escoragem


Finalmente temos uma laje montada!

A avaliação do pedreiro sobre a qualidade da laje não foi boa. Ele achou fina, com pedras grandes, quebradiça, com marcas das emendas das formas. As lajotas também não foram aprovadas, finas, tortas, enfim não sei se foi uma boa aquisição. De qualquer forma, atendem a necessidade, é uma laje de forro, não vai muito exigida e os problemas são todos contornáveis.

De qualquer modo, é uma ótima sensação ver a laje escorada, passa a imagem segurança e firmeza para a alvenaria.

Como dito antes, não colocarei laje na casa toda, apenas dormitórios e banheiros. Serão 54 m² de área com laje, conforme figura abaixo:




Hoje, com tudo montado, ficou dessa forma:






Aqui um detalhe importante. Exigi do pedreiro que a laje não ficasse exposta com aquela cinta de cimento na parede. Não faz nenhum sentido para mim construir uma casa de tijolo ecológico e cometer uma atrocidade dessas. A casa "antiga" apresentava esse erro.

O pedreiro foi bem caprichoso. Assentou uma canaleta com uma das abas cortada no lado de dentro dos cômodos, onde pôde ser apoiado o trilho da laje. Dessa forma, de fora será visto um tijolo inteiro, com a laje embutida "dentro" desse tijolo. Depois há o passo importante da fiada de cima, que terá que ser assentada com muito cuidado para ficar no nível, uma vez que não tem o apoio do tijolo inteiro como de costume. Também combinamos de encher toda essa canaleta e fazer o respaldo correndo uma barra de ferro na mesma, tudo isso preservando os furos dos tijolos para permitir circulação de ar. Isso permitirá a evaporação da umidade absorvida pelo tijolo e preservará a característica termo-acústica do tijolo, através da coluna/bolsão de ar que o vazado forma.

Apoio da laje em detalhes




As escoras merecem outra observação. Usamos escoras rosqueáveis, essas barras que se vê na foto. Muito mais prático e inteligente do que comprar pontalete de eucalipto, que vem fora de medida e acaba ficando como resto de obra depois, sem uso. O aluguel dessas escoras é muito barato, claro que não mais que os pontaletes, mas a praticidade e segurança conferida por eles, vale o investimento.








Vista de cima:



 


Muito importante manter os furos dos tijolos desobstruídos! Claro que onde por ventura o trilho da laje apoiar isso não será possível, mas não podemos encher de massa toda a canalheta pois perderá uma das grandes vantagens do tijolo.

Detalhe da canalheta cortada as duas abas, onde a laje transpassa.
Meu forte apache! rs





Para ver todos os posts referente ao tema Laje, use os marcadores na lateral direta do Blog. Você encontrará o marcador Laje: http://www.tijolosolocimento.com.br/search/label/Laje    \o/






68 comentários:

  1. Olá Wagner!!! Em uma de suas postagens, vi q um grande problema q vc teve, foi o fato de o concreto da laje escorrer por os tijolos, certo??? Vi uma técnica brilhante em outro site: Antes de concretar, se for deixar o gijolo exposto, impermiabilzar logo o tijolo. Isso ajuda na limpesa pos concreyo. O tijo nao gruda residuo e pode ser lavado... abraço...
    Valber Anterio.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Valber. Justamente, eu não tive essa noção antes, mas agora no final da obra percebo que se tivesse iniciado a impermeabilização com resina acrílica logo cedo, teria sido melhor e evitado esse tipo de problema. Ate cheguei a comentar isso mais recentemente nesse post: http://www.tijolosolocimento.com.br/2014/02/dica-do-dia-17022014.html.

      Além de evitar que o tijolo seja manchado, resinar o quanto antes diluiria melhor os custos durante as fases da obra, não pesaria tanto como pesou para mim ter que resinar a casa toda em 3 demãos.

      Abraço!

      Excluir
  2. Cara, suas postagens são brilhantes.... com certeza irei utilizar qdo for construir as minha.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço cara, fique a vontade para perguntar o que quiser. No que eu puder ajudar, conte comigo.

      Excluir
  3. Pretendo comprar uma prensa manual 12,5/25 e fazer meu proprio tijo... q vc me diz???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Valber, a principal preocupação em fazer o próprio tijolo é encontrar o solo adequado e a proporção de cimento que fará o tijolo chegar na resistência correta, estabelecida por norma ABNT. Ter um solo uniforme, garantir uma boa mistura, conseguir repetir as mesmas dosagens durante todo o processo, através de um controle rígido sobre os procedimentos todos e ter um tijolo de qualidade atestada no final é tarefa difícil.

      Só faria isso se estivesse desejando investir em um negócio como esse ou se não houvesse nenhum fornecedor capaz de produzir o tijolo solo-cimento na minha região. O risco de ter alguns problemas inerentes a matéria prima é grande e isso pode prejudicar o resultado final de sua obra.

      Mas não o desencorajo, estude bastante, reúna todas as informações que puder e avalie isso com tranquilidade.

      Abraço

      Excluir
    2. Olá Wagner!

      Primeiro ótimo os seus posts!

      Sou arquiteta aqui no sul (Porto Alegre) e estou cogitando o uso do tijolo de solo cimento. Mas comentando pontualmente, uma das desvantagens de se fabricar o próprio tijolo, assim como citado na norma, outra característica importante é o tempo de uso após essa fabricação. Como ele é uma mistura com cimento e água também precisa do tempo de "cura". Sendo então, o ideal é o uso dele após 27 dias de descanso, o protegendo de vendo e sol direto, sendo recomendado até cobri-los com lona e mais ainda: molhando-os. O ideal, nem mais nem menos, de acordo com a umidade do ar. Isso, então na minha opinião, já deixaria a desejar, já que não temos como controlar e medir essa quantidade adequada de água para o tijolo ficar com rígido e forte o suficiente.

      Novamente, ótimo blog! Obrigada por compartilhar!! Estou lendo tudo, e quando puder acrescentar e tirar dúvidas, vou me sentir no direito ;) Ótima obra!!!

      Excluir
    3. Olá Natache, muito obrigado pela visita e fique a vontade para acrescentar o que achar por bem. Não domino os detalhes sobre a fabricação, sei que o fornecedor de meus tijolos inicia a cura com uma imersão completa em água, mas não sei exatamente quanto tempo eles permanecem armazenados enquanto ocorre a cura. Sei que ele me mandou todos os pallets, com a carga embalada em filme plástico, o que conserva a umidade.

      Não tive problema de trincas ou esfarelamento, a casa é muito nova ainda, mas vou acompanhando tudo de perto.

      Acredito que, como comentei acima, fabricar os próprios tijolos seja uma complicação a mais ao se construir com esse tijolo, talvez preocupação demais. Mas o processo todo, se bem estudado, não chega a ser complexo. Com um bom solo, boas máquinas, um bom procedimentoe boa vontade, com certeza o resultado seria ótimo.

      Abraço e até breve!

      Excluir
    4. Olá Wagner li o seu post achei interessante,estou fazendo o meu TCC sobre a comparação do tijolo solo-cimento e o tijolo cerâmico sobre a qualidade e resistência o tijolo solo-cimento é muito mais resitente do que o tijolo cerâmico fizemos vários testes em prensas e em todos os testes o foi mais resistente,para garantir sua segurança deve fazer a impermeabilização caso não faça o revestimento.

      Excluir
    5. Sem dúvidas Adenir, impermeabilização é mandatória nesse tijolo, pois por não ir ao forno, corre-se o risco de esfarelamento e a umidade acelera esse processo. Devo fazer um post sobre patologias do tijolo em breve e demonstrar esse problema de esfarelamento.

      Obrigado pela visita.

      Excluir
  4. ola quero saber pra construir uma casa com um andar precisaria colocar colunas de ferro nos cantos da casa como numa casa convencional?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá João.

      A ferragem vai dentro dos vazados dos tijolos, no que chamamos de grout. Todos os cantos e a cada X tijolos, vai ferragem. Esse X depende do peso da alvenaria, de eventuais vãos livres, etc.

      Consulte um arquiteto ou projetista para ter isso previsto de forma segura.

      Excluir
    2. Olá Wagner li o seu post achei interessante, estou fazendo o meu TCC sobre a comparação do tijolo solo-cimento e o tijolo cerâmico, sobre a qualidade e resistência o tijolo solo-cimento é muito mais resistente do que o tijolo cerâmico fizemos vários testes em prensas e em todos os testes ele foi mais resistente,para garantir sua segurança deve fazer a impermeabilização caso não faça o revestimento.

      Excluir
    3. Olá Wagner li o seu post achei interessante, estou fazendo o meu TCC sobre a comparação do tijolo solo-cimento e o tijolo cerâmico, sobre a qualidade e resistência o tijolo solo-cimento é muito mais resistente do que o tijolo cerâmico fizemos vários testes em prensas e em todos os testes ele foi mais resistente,para garantir sua segurança deve fazer a impermeabilização caso não faça o revestimento.

      Excluir
  5. Olá... Vou construir um sobrado aqui no terreno da minha sogra, gostaria de saber se é necessário colocar colunas para sustentar a lage e o segundo andar da casa, vc poderia me informar??/ Grato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Hetien,

      É possível construir sobrados sem problema nenhum, sem necessidade de colunas da alvenaria convencional. É preciso desmistificar isso pois muita gente por aí coloca limitações no tijolo que na verdade só existem na cabeça de quem diz isso.

      A própria alvenaria estrutural se bem dimensionada permite que seja feito tudo por grout, sem precisar de viga ou coluna de concreto, caixaria, etc. Dentro dos próprios tijolos é feito a ferragem nos grouts. Um bom engenheiro calculista ou projetista define qual bitola da ferragem, onde será feito o grout e todo o necessário para que não tenha problemas com a alvenaria.

      Procure um profissional que te dê a segurança necessária para construir sem medo. Boa sorte.

      Excluir
  6. Wagner, bom dia, tenho interesse em comprar uma maquininha de tijolo ecológico, vc não sabe de alguém que tenha uma maquina dessa a venda não, vc acha que uma maquina da sahara que faz tijolo 12,5X25 pelo valor de 1650,00 tá muito cara?

    att,

    Francislei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Francislei, bom dia.

      Infelizmente não sei muito sobre o mercado de prensas. Já ouvi falar de fabricantes como Alroma e Ecomáquinas, mas não tenho idéia de custos. Não achei o valor dessa que citou cara, mas precisa ver como é, deve ser toda manual né? Carrega, prensa e retira manualmente, certo? Tem que ver qual seu intuito para ver se atende.

      Boa sorte!

      Excluir
  7. Bom dia wagner, estou com duvidas em relação a lajes com o tijolo eco. você pode me ajudar.
    EU SOU LEANDRO ROCHA E ESTUDO EDIFICÇÃO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Leandro, seja bem-vindo. Pode perguntar o que precisar, tento ajudar na medida do possível.

      Excluir
  8. Para uma construção de uma casa com 2 lajes a distancia das colunas de sustentação do andar térrio são de 80cm e as do anda superior são de 100cm, as colunas do andar térrio não coincide com o anda superior, nessa casa ande e feita a fixação das colunas do andar superio?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Veja, nas paredes você terá grouts e não colunas propriamente ditas. Elas estarão dentro dos vazados dos tijolos e o ideal é que sejam contínuas até o topo da alvenaria, ultrapassando as lajes.

      Se você está citando colunas tipo pilastras que ficam isoladas em grandes vãos, nada impede que na laje de cima você suba a ferragem tal como fez na fundação, partindo de lugares quaisquer. Só planejar bem os negativos e nervuras para sair com os arranques dessas pilastras.

      Mas vou te falar, o ideal seria a análise de um calculista sobre a carga em cima dos pavimentos e todo dimensionamento de ferragem, apoio, etc.

      Excluir
    2. Muito bom, então os grouts devem ser continuas ate a ultima laje, mas o que determina a distancia entre os grouts?, para 2 laje.
      obrigado, as informações no comentário anterior retirei da apostila que peguei na internet. cartilha-eco-construção.

      Excluir
    3. O ideal é que sejam contínuas sim. Claro que com uma laje bem feita, a alvenaria de cima poderia partir de novos arranques, tenho uma situação assim em casa pois construí em cima de uma casa já pronta. O importante é que a laje tenha um bom respaldo e os ferros sejam bem chumbados com compound adesivo epoxy.

      O que vai determinar o espaçamento dos grouts é a carga, tamanho dos vãos, etc, mas usamos em casa em torno de 70 cm entre eles, usando sempre no mínimo ferro 3/8, lançando mão de 1/2 polegada quando paredes de pé direito duplo. E também claro, nos cantos e antes de janelas.

      Recomendo você usar no mínimo 3 cintas de amarração (ferragem horizontal) ou até 4, considerando o apoio da laje. Use laje H12 de pavimento e boa.

      Pense bem nas disposições da hidráulica para facilitar distribuir no pavimento inferior e não ficar correndo horizontalmente na parede.

      Excluir
  9. Em um vão de 4,30m e recomendado colocar uma coluna 25/25 ou uma masisa da conta do recado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os grouts você faz normal, no espaçamento igual ao de todas as demais paredes. Faça grouts nos cantos desse vão e antes do vão. Aí coloque 2 ou 3 cintas de amarração acima do vão, de canto a canto.

      Excluir
    2. a cinta de amarrção e feita com o ferro 1/2? e os vazados da cinta são preenchido de concreto?

      Excluir
    3. Nas cintas você pode usar 3/8. Nos grouts 3/8 ou 1/2.

      Isso, usa tijolo canaleta, corre duas barras de 3/8, amarrando com os grouts e nos cantos. Enche de concreto, preferencialmente deixando os vazados dos tijolos abertos ( você pode usar copos plásticos para ajudar a não deixar o concreto descer).

      Excluir
  10. Então os vazados dos tejolos nunca são preenchido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só onde tem grout, aí ele é todo preenchido.

      Excluir
    2. Boa tarde meu amigo, tenho uma pergunta, o baldrame pode ser feito com o tijolo eco?

      Excluir
    3. Olha, até acho que possa, mas não acho uma boa ideia pelo fato do tijolo absorver muito umidade, por não ser cozinho, então dentro da terra acho que ele sofreria muito a ação da umidade e ir esfarelando. Recomendo usar tijolinho mesmo, viga baldrame ou usar uma fundação rasa como o radier.

      Excluir
  11. A região que eu moro e muito umida,região nordeste do Pará, mas quando esquenta esquenta mesmo, tem algum cuidado a ser tomado em relação a isto?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nada especial, você precisará impermeabilizar as paredes como eu fiz e recomendo que deixe todos os vazados dos tijolos que não forem grouts livres, para que a parede "respire" . Você vai perceber que o tijolo confere um ótimo conforto térmico, no calor ou no frio, devido a esses "bolsões" de ar que se formam nos buracos do tijolo. Em casa eu noto muito isso, a temperatura da casa é sempre agradável seja no frio ou no calor.

      Excluir
  12. Antes da laje e recomendado quantas cintas de amarração?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No mínimo duas. 1,10 e 2,20 (verga e contra verga).

      Excluir
  13. Notei nas fotos que você não utilizou cinta para receber a laje, os perfil estão direto no tijolo, há ou há necessidade de cintas para forma verga e assim receber a laje.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade alí onde foi apoiado o trilho da laje, virou uma cinta, pois corremos as ferragens alí, amarramos nelas os grouts que subiam e também os negativos e nervuras.

      Excluir
  14. Mas e de necessidade uma cinta antes do trilho da laje?

    ResponderExcluir
  15. Ola wagner olha aqui eu novamente chei de duvidadas kkkk, amigo estive observando uma construção de um muro perto de onde eu resido, o camarada fez uma veiga de 4,20 com 3 cintas de amarração e preencheu todos os grouts, pergunto se as veigas são feitas dessa forma?, preenchendo todos os grouts.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não entendi onde foi feita a viga. Se foi feita de caixaria, uma viga de concreto armado, não precisava. Era só fazer as 3 cintas de amarração ou até 4 e feito os grouts, poderia até preencher todos, usando pelo menos 3/8 de bitola da ferragem.

      Excluir
  16. Bom dia wagner, muito obrigado amigo pelas dicas e esclarecimentos das duvidas, se o mundo tivesse mais pessoas com o mesmo pensamento de ajudar, o mundo não seria o que é hoje, e de muita honra minha seguir uma pessoa de tal caráter.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa cara, que isso. Tive ajuda também quando precisei, agora é repassar isso adiante! Valeu, obrigado.

      Excluir
  17. wagner, então eu posso dispensar o uso viga de concrete de caixaria tanto no alicerce quantos nas demais?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Veja, no alicerce você faz normal. Viga corrida, baldrame ou até um radier. Exatamente como se faz na construção convencional. Agora na alvenaria do tijolo solocimento esqueça vigas expostas, colunas e caixarias. Tudo tem (e deve) que estar dentro do tijolo. Nos cantos 3 grouts, ao longo das paredes grouts espaçados de forma igual (pode ser 70 cm, a cada 1 metro, depende muito da carga aplicada na alvenaria). "Amarra" com as cintas em 3 alturas pelo menos e terá a sustentação e travamento necessários. A bitola das ferragens também vai depender da carga e altura das paredes, tamanho dos vãos livres, etc.

      Excluir
  18. No assentamento do tijolo eco pode se usar apenas a cola PVA ou pode misturar a cola com argamassa?.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu usei só cola, pode usar massa dum dum, argamassa, mas acho que massa grossa dá mais trabalho manter as fiadas niveladas. Use só cola PVA que resolve.

      Excluir
  19. Quantos milheiros de tijolo ecológico você gastou pra essa obra em média?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jéssica, acredito que foi em torno de 16000 tijolos, não muito além disso.

      Excluir
  20. bom dia amigo vendo o intervalo da laje das parede interna eles passa reto por que e corta ate ai ok mas mas a lajota e aberta nas laterais caso se fosse de isopor ficaria melhor amigo só uma opinião

    ResponderExcluir
  21. Então, na época considerei usar o isopor, mas era mais caro e não me traria de fato nenhuma grande vantagem. Então acabei usando a lajota mesmo. Mas poderia ser isopor pela leveza...só fiquei meio assim com risco de incêndio, mas é besteira.

    ResponderExcluir
  22. Ola..consigo construir sobrado em terreno pequeno com um lado de casa encostado no moro de divisão? Pq o terreno 5*25 e precisa deixar corredor de 1.5 em um dos lados..
    Se sim da problema com umidade ou terá jeito de imprimprezar..grato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Guevara, bom dia.?

      Consegue sim, sem problemas. Você terá claro que cuidar bem da impermeabilização, acredito que seja muito importante impermeabilizar todo o muro que já existe e usar rufos para impedir a água de penetrar entre eles,

      No seu caso valeria um capricho de comprar uma lata de resina acrílica e impermeabilizar cada tijolo por imersão, o que daria uma impermeabilização por completo no tijolo e garantiria bons resultados.

      Obrigado!

      Excluir
  23. Olá Wagner, boa noite!

    Vou utilizar um tijolo solo cimento de um fabricante que não produz o tijolo canaleta, mas as verga e contraverga ele fabrica pré moldadas de acordo com as medidas que eu precisar. Minha dúvida é quanto a amarração, vou fazer uma caixaria de 15 cm de altura e ferragem com 4 vergalhões "como última fiada", apesar do fabricante dizer que não tem necessidade, me sinto mais seguro fazer esta viga, porém vi que na ultima fiada você não utilizou o tijolo canaleta como viga. É isso mesmo? Outra dúvida, como vou fazer viga convencional os furos dos tijolos vão ser fechados, por causa disto existe perda na função de isolamento térmico?

    Obrigado!

    Abraços,
    Guilherme

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Guilherme,

      Eu fiz todas as cintas dentro de tijolos canaletas, usando duas barras de 3/8 ou até 5/16. Na maioria das paredes com pé direito convencional, foram 3 cintas. Nas paredes com pé direito duplo, foram colocados mais 2 ou 3 cintas. O respaldo da laje foi feito com tijolo canaleta também.

      Em todas as cintas usamos copos plásticos para manter o vazado do tijolo aberto, para permitir que houvesse circulação do ar dentro deles. Fazendo viga com caixaria, você provavelmente vai perder um pouco dessa qualidade de isolamento térmico, mas não deve ser um grande problema.

      O ideal seria utilizado o próprio tijolo canaleta por causa do visual uniforme e dessas situações acima, pela praticidade que é fazer a cinta dentro da canaleta.

      Obrigado.

      Excluir
  24. Bom dia,

    Estou fazendo o esboço do projeto de minha casa e estou com uma grande briga com meu esposo quanto a usar tijolos ecológicos. Ele diz que se fizermos dessa forma nunca poderemos fazer uma reforma para ampliar ou algo do tipo (não que estejamos pensando nisso, mas ele insiste que em 10 ou 15 anos pensaríamos) Vi que você fez uma reforma e queria saber, você fez toda a casa com tijolos solo cimento mesmo ou fez a estrutura de alvenaria e apenas fechou as paredes com solo cimento? Já ouviu falar disso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Yssis, bom dia. A reforma é delicada pois se for deixar o tijolo aparente, podem ficar marcas de onde houve intervenção. Além disso, por ser alvenaria estrutural não serão todas as paredes que poderão ser mexidas, há um cuidado maior de onde se irá mexer.

      Na minha casa eu tive que mudar a função de espaços, fechar janelas e portas e abrir novos, fiz coisas realmente delicadas. Mas não tive problemas, a casa era pequena e não havia complexidade estrutural.

      O grande lance é, se você tem idéia de mexer em algo, pensar isso no projeto. Exemplo: se houver alguma parede que deseja remover, prevendo isso no projeto você tira a complexidade estrutural dela e a deixa de uma forma que será facilmente removida. O mesmo vale para se abrir vãos novos, havendo como prever isso, você faz a parede sem carga estrutural e sem cintas, grouts ou grampos, fazendo com que a qualquer momento possa ser aberto uma nova porta ou janela.

      É tudo questão de pensar. Eu vivo numa casa a mais de 20 anos e reforma mesmo só para troca do acabamento, nunca para mudar drásticamente espaços. Então vejo como muito simples esse tipo de procedimento.

      Minha casa é toda feita de tijolo solocimento. Toda estrutura e fechamentos são desse tijolo. Acho válido usar o tijolo para outros fins, mas penso que se for fazer uma construção mais bem pensada, você pode usar outros materiais para divisões internas, como drywall e outros materiais que são mais práticos e baratos.

      Antigamente havia preconceito sobre o tijolo solocimento e muitos arquitetos só o adotavam onde não havia exigência estrutural. Mas isso tem caído por terra a medida que o tijolo se mostra eficiente para qualquer tipo de construção e, como construção modular exige uma planta mais caprichada, as obras usando tijolo solocimento tendem a ser mais inteligentes.

      Eu recomendo falarem com um profissional da área, que conheça bem o tijolo, para dirimirem seus receios.

      Boa sorte!

      Excluir
  25. ola me ajudem quem poder por favor
    construí uma casa de 74 metros quadrados
    com este tijolo, fizemos tudo como manda a necessidade do tijolo seguimos a risca, porem com 5 meses de construção começou a aparecer trincas e fissuras no tijolo variasss, já analisamos o alicerce esta intaquito tudo normal, porem quando comessamos a contruir esta com muito pressa e o fornecedor me entregou o tijolo sem curar veio a maioria todos molhados e quebrou bastante quando fomos descarregar, agora mandamos o tijolo para fazer os insanos para verificar a qualidade dele, oque devo fazer se provar que o tijolo foi mal fabricado.

    ResponderExcluir
  26. ola me ajudem quem poder por favor
    construí uma casa de 74 metros quadrados
    com este tijolo, fizemos tudo como manda a necessidade do tijolo seguimos a risca, porem com 5 meses de construção começou a aparecer trincas e fissuras no tijolo variasss, já analisamos o alicerce esta intaquito tudo normal, porem quando comessamos a contruir esta com muito pressa e o fornecedor me entregou o tijolo sem curar veio a maioria todos molhados e quebrou bastante quando fomos descarregar, agora mandamos o tijolo para fazer os insanos para verificar a qualidade dele, oque devo fazer se provar que o tijolo foi mal fabricado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Samira, precisam ser feitos ensaios de compressão, resistência e absorção. A norma que trará os nominais aceitáveis são as da ABNT, mais especificamente a ABNT NBR 8491:2012, http://www.abntcatalogo.com.br/norma.aspx?ID=193718.

      Excluir
  27. oi boa trade olhe eu quero compra tijolos simples cozinha e banheiro e lavanda quarto

    ResponderExcluir
  28. Olá Daniana, não forneço tijolos, você precisa encontrar um fabricante de tijolos na sua região.

    ResponderExcluir
  29. ola boa tarde, tudo bem?
    estou com intuito de montar uma casa pra mim com esse tijolo, porem queria ela 2 andares fazendo a lajet.
    gostaria de maiores informações email leandrorndkg@gmail.com

    ResponderExcluir
  30. Olá Leandro, sem problemas, pode fazer sobrado com esse tijolo sim. Só precisa de um projeto estrutural bem feito, como qualquer outra obra precisaria;

    ResponderExcluir
  31. Olá Wagner, fiquei muito contente em encontrar seu blog. Me impressiona seu interesse e dedicação em responder a todos com rapidez, clareza e sinceridade, colocando vários pontos de vista! Inclusive os detalhes práticos, as dicas, as dificuldades, isso é realmente impressinante de encontrar, mas a internet permite isso!
    Infelizmente não encontrei seu blog antes de começar. Comprei por 3mil reais uma máquina simples (manual) que nos permitiu produzir in loco (num sítio a 4,5 Km de Iturama/MG). Também levamos a máquina de carro para Ubatuba/SP e produmos lá 1.200 tijolos no alto do morro (onde não chega caminhão). Esta é uma vantagem da máquina simples, pode-se levar o fabricante e a máquina até o local remoto (o preço do tijolo pode chegar a mais de 4 reais dependendo do grau de dificuldade de levar o cimento).
    Em Iturama/MG começamos uma casa no sítio em junho de 2016 e em novembro/2016 estamos na laje (por isso achei seu blog). Os fabricantes de máquinas e tijolos na sua maioria não falam sobre laje!
    Intuitivamente começamos fazer a impermeabilização antes das concretagens (em alguns casos manchou, mas depois o pintor lixou e conseguiu reverter) O pedreiro já tinha uma experiência anterior na montagem (também não é muito caprichoso), mas ele é meio convencional e aceitou fazer o projeto com os tijolos terra-cimento. Por ser a primeira experiência estou satisfeito. Gostei muito das colunas feitas com o tijolo. No sítio, depois do acabamento com a resina (de excelente qualidade e no caprciho, duas demãos, com rejunto flexível de boa qualidade vale muito a pena!). Parece a casa antiga de meu avô que fez isso tudo com tijolinho na década de 1960. Deu uma satisfação grande e os pedreiros e fabricantes dos tijolos tiveram uma felcidade indescritível ao ver o resultado. Eles tiveram muita dificuldade para fazer tudo sozinhos, sem engenheiros, arquitetos, projetistas, empreiteiros, mestres de obra, etc.
    Nos próximos projetos faremos com mais apoios!
    Passei seu blog para eles e para o Élcio Júnior que está fabricando em Iturama/MG, mas pode levar a máquina para outros lugares e fazer in loco. Eu pago um pouco mais R$1.000 o milheiro de tijolos (pois não tenho frete).
    Vou lhe enviar umas fotos por e-mail.
    Abraços e obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Divinomar, seja bem-vindo ao Blog, espero que tenha grande proveito.

      Legal essa sua história, muito admirável a determinação e coragem para enfrentar as adversidades e fazer acontecer num paradigma desconhecido como esse. Esse é o grande lance do tijolo solo-cimento, a possibilidade que ele dá de se fazer você mesmo o tijolo e também a mão de obra para construção. Parabéns pelo trabalho, com certeza vai valer a pena.

      Obrigado por compartilhar sua experiência. Se tiver dúvidas e eu conseguir ajudar, é só falar.


      Abraço!

      Excluir